Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/10/12 às 19h05 - Atualizado em 29/10/18 às 15h42

Fundação Hemocentro inaugura novos serviços e espaços

A partir do dia 10, a Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES/DF) abre novo serviço para o atendimento multiprofissional às pessoas com coagulopatias hereditárias, na Fundação Hemocentro de Brasília e delega à Fundação a coordenação da atenção integral a estes pacientes no DF, com a publicação de nova Portaria.
 
Além de gerenciar o cadastro dos pacientes e os produtos utilizados no tratamento destas doenças, inclusive entregando, mensalmente, os medicamentos específicos e de alto custo na residência de 80 pessoas, das 97 com hemofilia, que fazem profilaxia e residem no DF, e realizar os exames de sangue para esclarecimento diagnóstico, a partir de agora, o Hemocentro de Brasília, passa a ser responsável pelo atendimento ambulatorial multiprofissional dos pacientes com coagulopatia hereditária hemorrágica, em todo o Distrito Federal.
 
Para receber o novo serviço, a FHB realizou uma adequação de área física criando o Ambulatório do Hemocentro, um espaço que reúne privacidade, praticidade e conforto tanto para os pacientes quanto para os profissionais de saúde que lá trabalharão.
 
 A nova área física dispõe de cinco consultórios, sendo três para médicos, um para enfermagem e um para psicologia, serviço social e nutrição; três boxes de coleta de sangue, uma sala para dispensação de medicação e uma de curativo, além de sala de reunião para a equipe e sala da chefia. Há também uma área para recepção e registro e um banheiro exclusivo para o uso dos pacientes. “Procuramos criar um espaço confortável e lúdico para receber os pacientes, entre eles as crianças. Assim o tempo de permanência no serviço deverá passar mais rápido e eles poderão ter também lembranças agradáveis da ida ao Hemocentro. Vamos acolher a todos, adultos e crianças, com profissionalismo e carinho, incluindo o transporte da Rodoviária para o Hemocentro”, diz a diretora-presidente da FHB, Beatriz Mac Dowell Soares.
 
Ainda para garantir o atendimento adequado e multiprofissional a Secretaria de Saúde determinou à Subsecretaria de Gestão do Trabalho e da Educação em Saúde que providencie, prontamente, a cessão dos servidores da SES para a FHB, além da lotação de novos servidores, que serão chamados para completar o quadro de pessoal do Hemocentro, conforme acordado. O ambulatório da FHB contará com o prontuário eletrônico já instalado na maioria dos serviços de saúde da SES, a fim de que os registros dos atendimentos possam ser compartilhados entre os diversos profissionais e os vários serviços, como por exemplo, entre o ambulatório do Hemocentro e um ambulatório de especialidade de um hospital ou o serviço de emergência, de forma que o médico que estiver assistindo ao paciente poderá ter acesso aos registros no prontuário eletrônico, permitindo a integração, socializando e qualificando o atendimento na rede pública de saúde.
 
 O que muda para os pacientes
 
A partir de agora os pacientes que sabem ter uma coagulopatia hereditária, como a hemofilia, deverão agendar as suas consultas de acompanhamento especializado e multiprofissional na Fundação Hemocentro de Brasília, pelos telefones: 3327-1671 e 3327-5659.
 
Eles poderão usar o transporte gratuito, da Rodoviária para o Hemocentro, no ônibus ou van da Fundação, que sai de hora em hora do piso inferior da Rodoviária (entre as plataformas A e B) a partir das 8h00min até às 17h30min.
 
Os casos novos com suspeita de coagulopatia hereditária deverão ser encaminhados à Fundação Hemocentro de Brasília, após a realização de exames de triagem e a avaliação de médico hematologista da rede pública ou privada do DF, para a realização dos exames para elucidação diagnóstica e acompanhamento, no caso de confirmação. O acompanhamento às crianças de até 13 anos de idade completos será realizado em conjunto com a equipe de pediatras e médicos especialistas do Hospital da Criança José de Alencar (HCB). Os pacientes que necessitem de reabilitação física serão avaliados em conjunto pela equipe do Hemocentro e do Núcleo de Reabilitação do Hospital de Apoio (HAB) e realizarão a reabilitação no próprio HAB.

Fundação Hemocentro de Brasília - Governo do Distrito Federal

FHB

Setor Médico Hospitalar Norte, quadra 3, conjunto A, bloco 3. Asa Norte, Brasília-DF. CEP: 70.710-908.